13 de out de 2010

A sabedoria do bom ouvinte



As pessoas afoitas estão tão preocupadas em dar respostas que acabam se esquecendo de ouvir com atenção o que os outros têm a dizer. Quando isso ocorre, significa que estamos nos distanciando do sucesso.

Deixe-me dar um exemplo de como isso acontece: Imagine um diálogo entre uma pessoa desatenta e outra antenada e bem humorada.

No calor da discussão o desatento e já impaciente pergunta em tom intolerante: “afinal de contas, quantos rins nós temos?”. Ao que a outra parte, de bem com a vida, responde: “quatro”. O mal humorado torce o nariz e pensa: “esse cara é um asno. Ele está mesmo querendo complicar as coisas” e contra-argumenta: “Não! Tanto você quanto eu sabemos que temos apenas dois rins, certo?”

“Errado” responde o interlocutor em tom amistoso e sorridente. E conclui: “eu tenho dois rins e creio que você também tenha dois. Porém, você perguntou “nós” que é plural. Portanto, juntos temos quatro rins.”

Lembre-se que não deve ter sido por acaso que Deus nos deu dois ouvidos e apenas uma boca.

Pense nisso e ótima dia,

Nenhum comentário: