6 de nov de 2012

5 boas razões científicas para você sorrir

Tá difícil encontrar motivo para sorrir ? Calma, a ciência te ajuda – e isso não tem nada a ver com aqueles papos de autoajuda. As pesquisas indicam que um sorriso no rosto te ajuda a resolver um problema, te deixa mais bonito, feliz, torna o mundo menos solitário e… evita assaltos a bancos (é sério).

1. Sorrir vai te deixar mais criativo…
Já percebeu como tentamos ficar ainda mais concentrados quando estamos travados em um problema? Só que não é uma boa ideia. Quando estamos nervosos ou estressados, prestamos pouca atenção às ideias que estão no fundo da nossa consciência. Aí fica difícil ter insights criativos. Mas sorrir nos ajuda a acordar desse estado de desatenção. Em uma pesquisa  realizada por pesquisadores americanos, os participantes que sorriram enquanto participavam de um teste mostraram uma capacidade maior de ver uma floresta inteira, ao invés de apenas algumas árvores.

2. …mais atraente…
Mas só funciona se você olhar diretamente para outra pessoa. Um estudo da Universidade de Aberdeen, na Escócia, misturou elementos do rosto de várias mulheres e criou 4 novas imagens: mulher olhando para a câmera com sorriso ou sem; e outra mulher olhando para o lado sorrindo ou não. Resultado: as mulheres mais atraentes, segundo o ranking dos participantes, eram aquelas que olhavam para a foto e sorriam.

3. …e de bom humor
Essa é óbvia, mas vale só para quem não força o sorriso. Para melhorar seu humor, você precisa sorrir de verdade. Aí vale pensar nas férias, na nota boa que você tirou na faculdade, da última festa. A conclusão é de uma pesquisa da Universidade Estadual de Michigan, nos Estados Unidos. Eles avaliaram o desempenho e humor dos funcionários que distribuíam falsos sorrisos para os clientes e de outros que espalhavam sorrisos sinceros. Como era de se esperar, quem sorria de verdade era mais bem humorado. E trabalhava melhor.

4. Sorrir para desconhecidos faz bem
Em um estudo  da Universidade de Purdue, nos Estados Unidos, os pesquisadores pediram a 239 voluntários para passearem por um trecho movimentado da universidade. Pelo caminho, uma das pesquisadoras sorria aleatoriamente para alguns deles, olhava para os olhos de outros ou simplesmente lançava olhares distantes, como se não visse ninguém. Na sequência, os participantes preenchiam um questionário. Quem tinha recebido o sorriso da desconhecida se sentia mais conectado aos outros. Ou seja, menos solitários.

5. E previne assaltos!
O FBI está de prova. Em um ano, eles conseguiram reduzir pela metade o número de assaltos aos bancos de Seattle após incentivarem os seguranças a sorrirem para todos os clientes. Segundo o FBI, quanto mais gentileza, maior o risco de um assaltante desistir do crime.

Via Barking up the wrong tree e Superinteressante

Nenhum comentário: